O que o ateísmo trouxe de positivo à sociedade

Num debate recente entre o teísta Dinesh d’Souza e o ateu Christopher Hitchens verificou-se um incidente que ilustra bem o Poder transformador de Jesus Cristo.Depois do debate formal, e como é normal em alguns debates, chegou-se à parte das perguntas e respostas. Uma das pessoas a quem foi dada a hipótese de questionar os protagonistas era um senhor de uma das ilhas do pacífico (esqueci-me do nome). A sua pergunta era essencialmente esta:

Sr Hitchens, eu venho de uma área pacífico. Antes da chegada do cristianismo à nossa cultura, nós éramos um povo totalmente diferente, chegando mesmo a practicar o canibalismo. Quando o cristianismo chegou, nós abandonamos muitos dos nossos antigos costumes, inclusive o canibalismo.

O que é que o ateísmo tem para me oferecer em troca?

Podem vêr a resposta do Christopher Hitchens no seu debate, mas de certeza que a sua “resposta” vos vai desiludir.

As palavras de um homem que experimentou uma vida sem Deus, com as ramificações que daí advém, e o testemunho vivo do que aconteceu após a sua cultura de aceite Cristo tem um poder dramático.

O que é que o ateísmo tem para oferecer a um homem assim? Melhor, o que é que o ateísmo tem para oferecer a qualquer pessoa?

Os ateus normalmente usam e abusam da bandeira da racionalidade e de frases onde está subentendido que as sociedades funcionariam melhor se deixassem o cristianismo de parte.

Os dados históricos dizem exatamente o contrário.

Sociedades que abandonam a moral cristã invariavelmente sofrem declínio moral, e este declínio moral é invariavelmente acompanhado por outras tipos de declínio que mais cedo ou mais tarde começam a afectar a sociedade como um todo.

Um dos exemplos mais cabais deste facto é a Inglaterra. Há 4 ou 5 séculos atrás a Inglaterra era um país que dominava os mares, sendo uma das maiores super potências que o mundo já conheceu. O cristianismo era também mais forte durante esses anos.

Os últimos 150/200 revelaram uma Inglaterra cada vez mais secular.

Quais são as consequências disto? Ao nível moral, a Inglaterra está totalmente de rastos.

Devido à secularização da sociedade, os ingleses tem uma natalidade mais fraca. Isto causa a que eles precisem de importar estrangeiros para suprir a baixa natalidade. O problema é que a maior parte dos estrangeiros que estão a chegar às ilhas de sua majestade são pessoas com um credo totalmente distinto do código moral vigente por lá. .

A vida dos mais frágeis também perdeu o seu valor, quer seja dos mais idosos,doentes mentais, ou principalmente, quer seja dos bébés no ventre materno.

Eu uso o exemplo da Inglaterra, mas qualquer outro país secularizado como a Inglaterra serve (Alemanha, França, Suécia). A questão é a mesma: o que é que o ateísmo tem para me oferecer? Porque é que o senhor acima referido deveria abandonar o cristianismo, que causou que ele e as suas gentes deixassem de ser canibais, e passassem a ter fé em Darwin, Dawkins ou Sam Harris?

O que é que o ateísmo produziu de positivo para a sociedade?

Fonte: Blog Carmadelio

Anúncios

Sobre catolicosconservadores
Casado, advogado, católico.

Comentário aguardando aprovação

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: