Pe. Reginaldo Manzotti na Globo

Domingo (19), o conhecido padre paranaense Reginaldo Manzotti esteve no programa do Faustão da Rede Globo. Todos sabem que ele é mais um dos padres cantores que gravou pela Som Livre. Se dá Ibope a Globo se interessa pelos padres. Talvez por isso ele foi convidado.

O mais interessante foi a resposta do padre ao Faustão sobre a homossexualidade, ele não ficou em cima do muro como o Pe. Fábio de Melo. Retirei a resposta do site www.diasimdiatambem.com:

Faustão pergunta: “No caso do homossexualismo, como é que o padre tem que enfrentar essa situação e principalmente se posicionar? Um padre jovem, um padre renovador… Especialmente com essas marchas pregando o combate ao preconceito! Porque não tá na opção, na formação sexual, o caráter, não está competência… A pessoa não pode ser julgada e infelizmente na nossa sociedade a pessoa é julgada!”

Pe. Reginaldo Manzotti responde: “Sobre a questão da homossexualidade… Eu sou tido também como padre bocudo! Porque (…) não dá pra ficar em cima do muro porque a verdade é inegociável.

Existem valores que são inegociáveis! O Papa disse agora: ousadia, coerência e verdade. Sobre a homossexualidade… Deus fez o homem e fez a mulher! Esse é o plano da criação. Eu não estou dizendo nem A, nem B. Se algo aconteceu na história, seja genética… E aí nós temos que ter tolerância, nós temos que ter amor, nós temos que ter acolhimento, respeito!

Eu acredito o seguinte: você tem que ter um ideal porque se você não tem um ideal você se perde. E a educação tá complicada. Deus fez o homem, Deus fez a mulher. Deus é capaz de acolher, Deus é capaz de perdar, mas o referencial da pessoa humana é o homem e a mulher! Acredito que todos os direitos devem ser valorizados. A minoria ela tem os seus direitos, mas você não pode querer equiparar uma união homoafetiva com a mesma qualidade de família. Tem que ser respeitado, tem que ser levado a sério. Eu acho que os teólogos, juristas, psicólogos, devem se debruçar sobre isso… Não é fugir do problema! Mas você não pode equiparar essa união ao nível de família. Essa é a nota oficial da CNBB! E eu sou padre, eu não vou ficar inventando teoria. Eu amo a minha Igreja e prefiro acertar ou errar com ela. Eu sou sacerdote!

 

Anúncios

Sobre catolicosconservadores
Casado, advogado, católico.

Comentário aguardando aprovação

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: